Guia Mais

Finanças Conjugais → Como Falar de Dinheiro Para seu Parceiro?

A comunicação, depois do amor, é o ponto chave para um relacionamento duradouro.

Se você não sabe como se comunicar com seu parceiro, não espere o “até que a morte os separe”.

Quando há honestidade e comunicação em relação ao dinheiro, o amor flui mais.

Você terá um relacionamento mais harmonioso, pois haverá menos brigas e discussões sobre o financeiro.

Ambos estabelecerão acordos e trabalharão em equipe, não somente como dois indivíduos dividindo a mesma cama.

Ao comunicar-se com o seu parceiro sobre o dinheiro, você gera mais confiança, alcançando um relacionamento mais estável, duradouro e próspero.

Prepare-se

Se você deseja dar o primeiro passo para falar sobre as finanças em casal, aqui estão algumas ideias para tomar a iniciativa:

  • Fale a sós: Não faça isso quando alguém estiver na presença de outra pessoa, com raiva ou discutindo;
  • Seja objetivo: Seja honesto com suas preocupações, talvez exista um tópico específico sobre o qual queira falar;
  • Seja positivo: Ao invés de somente colocar a situação financeira de ambos em meios de críticas, elogie alguns pontos positivos.

Coloque em sua cabeça que a conversa não é um julgamento monetário onde uma pessoa será considerada como culpada.

Pelo contrário, é a oportunidade de se ver no espelho, encontrar o melhor de cada um e se unir para alcançar objetivos comuns.

Mantenha essas regras claras antes mesmo de começar a falar, elas evitarão com que sua conversa termine ruim.

Plano de ação

Uma vez claros os pontos fortes e fracos de cada um, passem a criar um plano para o dinheiro de ambos.

Qual é o sonho de vocês? Tentem encontrar um objetivo que ambos possam construir (por exemplo, um negócio, um carro).

Com base em sua meta e objetivo, planeje as despesas a partir de agora. Organize também todos os seus objetivos em curto e longo prazo.

Faça uma lista de despesas e receitas, sem se culpar ou se arrepender, concentre-se na criação de um plano e na busca de resultados.

Também elabore uma lista de prioridades (cada uma separadamente) e em seguida, reflita sobre ela.

É importante que criem um orçamento que atenda às metas traçadas e não o contrário.

Cada um deve se comprometer em melhorar e se apoiar um no outro para não cair.

Organize e siga a organização

Assim que registrar suas despesas juntos, deverá as verificar diariamente.

A “infidelidade financeira” existe quando qualquer um de vocês oculta as despesas, portanto, sempre sejam sinceros.

Economizar no casamento é uma ação conjunta que os une mais e os motiva a continuar na busca de conquistas financeiras.

Por mais que tenham planos para uma economia mais específica, esteja preparado para divergências que podem acontecer.

Contudo, podemos concluir que falar sobre o financeiro no casamento é delicado, mas preciso.

Ainda mais se existe uma pessoa na relação que é mais determinada que a outra.

A grande chave de uma conversa produtiva é sentar e olhar todos os pontos em que lhe cabem.

Depois traçar um orçamento e controle com calma, onde ambos podem seguir e economizar.

Add comment